quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

QUE DIA É HOJE?




Ah, não!!!  Pucha vida! Que rotina, que tédio!

Fazer o quê, né? A vida é assim mesmo, uma rotina diária nos levando a um oceano inexplorado. Às vezes nos deparamos com o obscuro lado sombrio da vida.

Da vida?... Huummmm!!! Acho que não. Mas, o lado sombrio que se esconde à beira do caminho. Está ali para assustar o caminhante que leva o sonho de encontrar os campos floridos que lhe adornarão de alegria a caminhada.

Que lástima deparar-se com esse inquietante, indesejado e apavorante sujeito! Ele chega para melancolizar-nos, tornar-nos instáveis, depressivos, estáticos e sem objetivos. Às vezes até que desejamos fazer algo, mas, mediante a situações desse encontro, esgota-nos as forças, os sonhos esvaem-se e nos sentimos assim, meio que vazios.

Que situação!!!!! Quanto mais nos achegamos a esse incircunciso e sombrio lado da vida, mais nos parecemos com ele, esquisitos, anti-sociais, impacientes, desprovidos de visão, acomodados, insensíveis, e outras coisas mais vão se unindo como parasitas inflamáveis. Então, puft!!! Foi-se a esperança dos campos floridos, da alegria, da satisfação, da paz...

O que fazer????????........

Lembremo-nos que o "Senhor Obscuro" mora à beira do caminho atraindo-nos com o seu "laço de passarinheiro" (armadilha para apanhar passarinhos).

Ignorá-lo? Fazer de conta que não está lá? Subjugá-lo? Não. Mas, acreditar que o dia que se chama HOJE, o qual podemos chamar de "Senhor AMIGO", se considerando e respeitando suas regras para caminhada, e objetivando, e lutando pelos ideais da vida, caminharemos seguros, sabendo que a melhor caminhada é olhando para frente, sem mudança de direção, sem desviarmos dos nossos sonhos. Assim aprenderemos a passar pelo Senhor Obscuro sem comungarmos com ele, como aquele vizinho insuportável que está lá ao lado, mas que não tem acesso ao nosso prazeroso aconchego.

Os campos floridos também estão lá, não escondidos como o Senhor Obscuro, mas com um encantador sorriso e braços abertos nos oferecendo acolhida e esperança para a realização do grande voo que nos dá força para vencer, impulsionando o levantar da DETERMINAÇÃO no nosso interior.

Os campos floridos estão lá com os ternos afetos de misericórdia, revelando-nos o imensurável amor do Criador e nos dizendo:

“VAI NESSA TUA FORÇA”.


Felicidades.


(Escrito por Paulo Barreiros)

sábado, 16 de novembro de 2013

NINGUÉM PODE MUDAR O SEU DESTINO.  


Depois que a gente passa desta para o outro lado, nosso corpo perde suas defesas e começa a ser atacado por todos os lados: bactérias, animais e até substâncias produzidas por nós mesmos dão início ao fim. O cadáver vai ficando escuro e inchado, a pele e os órgãos se desfazem e o cérebro vira um caldo. Depois de algum tempo, não sobra quase nada. A decomposição acontece em duas frentes. A primeira é a mais esquisita: o próprio corpo se decompõe. "Quando alguém morre, a oxigenação cessa e o organismo se desequilibra. Minerais como o sódio e o potássio, importantes para o metabolismo, deixam de ser produzidos. Com isso, as células se desestabilizam e passam a digerir o próprio corpo", diz o fisiologista e professor de medicina legal Marco Aurélio Guimarães, da Universidade de São Paulo (USP). Ao mesmo tempo, bactérias famintas também entram no banquete. As primeiras a avançarem na carne são as da flora intestinal e da mucosa respiratória, que já vivem no organismo. Para continuarem vivas, essas bactérias invadem os tecidos e os devoram. Depois disso, as bactérias do ambiente deixam o cadáver irreconhecível. O suculento resto fica para insetos. No fim, sobram apenas ossos e dentes, que duram milhares de anos a mais que os outros órgãos.  (Revista “Mundo estranho”, da Editora Abril).

Portanto, para o seu próprio bem, abra o seu coração à Palavra de Deus. Há muitas coisas que não compreendo, e muitas coisas que você também não compreende.

Por isso, é necessário que tenhamos uma atitude aberta para com a Palavra de Deus.
Se ela diz: “Ame o seu irmão”, então o ame (1 João 4:21). Se ela diz para você não irritar o seu irmão (Gálatas 5:26), então não irrite o seu irmão. Use palavras agradáveis em sua comunicação (Efésios 5:19 e Colossenses 4:6),  

Porque,

O mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre. (1 João 2:17)

Pense nisso!


Que o Senhor Jesus nos abençoe.

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

FÉ - O QUE FAZER COM ELA?

Tens tu fé? Tem-na em ti mesmo diante de Deus..... Romanos 14:22


Através do Evangelho a pessoa é confrontada com Jesus Cristo Vivo que o chama a crer nele. E ninguém além da própria pessoa pode crer. Não há alternativa para o compromisso pessoal. Podemos assim dizer que: “É impossível alguém crer no lugar de outrem, como se sua fé fosse um substituto para a fé pessoal de outras pessoas”. O ser humano é uma pessoa com decisão própria; ele crê por si mesmo e não como representante de outros.

Por isso a importância da pregação! Ela tem uma importância tão tremenda, que Deus fala através dela. Jesus Cristo é propagado. O Espírito Santo age. As promessas de Deus são ouvidas, a fé é gerada e uma nova vida aparece.
Portanto, pregue a Palavra, insista com o ouvinte a tempo e fora de tempo, pois você não imagina o que Deus vai fazer. Creia na veracidade da Palavra que você anuncia, pois ela é capaz de gerar fé no coração do ouvinte. Assim, o Espírito Santo completará o propósito da mesma.


Que o SENHOR te abençoe,

Felicidades em Cristo.

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE


FIL. 4:13... Tudo posso...

A)- Você é capaz de fazer de tudo?
B)- Será que alguém tem, por meio de Cristo, "poder" para realizar qualquer feito?
C)- O que será que Paulo quis dizer com essa declaração?

 “Posso todas as coisas naquele que me fortalece” – Este é um dos versículos mais citados da bíblia.
Essa frase virou mania gospel. Pode ser vista nos adesivos dos carros, pregado nas portas das casas, nos imãs de geladeiras, em estampas de camisetas, e sem falar dos brindes de fim de ano, etc.

Podemos afirmar que essa frase tornou-se como uma espécie de amuleto, de brado de vitória: “Posso todas as coisas”.

Seria maravilha se “Posso todas as coisas” estendesse para todos os ângulos da vida, teríamos todos os sonhos realizados, como uma espécie de varinha mágica   
  • Posso ter o emprego que desejo;         
  • Posso ter a casa dos meus sonhos;       
  •  Posso passar no vestibular;        
  •  Posso ser aprovado no concurso;

        Posso conquistar todos os meus sonhos, porque eu posso todas as coisas naquele que me fortalece. 

      MAS, NÃO É NADA DISSO.

Olhando para a interpretação errônea deste versículo escrito pelo apóstolo Paulo, podemos dizer que ele denuncia UMA característica da nossa geração. Infelizmente, uma característica muito triste:

·         Mostra o pouco conhecimento bíblico que muitos possuem, pois o versículo simplesmente não diz aquilo que a imensa maioria pensa, como tem sido o motivo de sua expressão contínua.

Paulo demonstra nesse versículo a necessidade em refletirmos sobre nossa postura diante das situações da vida.
·                              Você seria capaz de bendizer a Deus quando tudo vai mal?  
           Com o POSSO TODAS AS COISAS... SIM.

Ao invés de olharmos para esse versículo como um brado de conquista e triunfo, deveríamos observar seu real fundamento, o qual é nos mostrar o BRADO DA RESISTÊNCIA e PERSEVERANÇA.

Observando o contexto da passagem de FIL.4:10-20, encontraremos o sentido correto. Indica que Paulo está se referindo às necessidades pessoais como:
  •  “POBREZA” (v.11) 
  •  “ABUNDÂNCIA e ESCASSEZ” (v.12), etc...

Então, POSSO TODAS AS COISAS...    
  • Significa que posso passar pelos altos e baixos da vida dando glórias a Deus;   
  • Significa que posso ter emprego ou estar desempregado, dando glórias a Deus;    
  •  Que posso estar saudável ou enfermo, e dando glórias a Deus; 
  • Que posso ter fartura ou estar em dificuldades, e dando glórias a Deus.

NÃO IMPORTAM AS CIRCUNSTÂNCIAS, porque posso passar por todas as situações, boas e más, sem padecer nelas, SABE POR QUÊ?


PORQUE O SENHOR ME FORTALECE!

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

DETERMINAÇÃO




Para alcançar objetivos em qualquer área da vida, tem que ter DETERMINAÇÃO.
Esperar nem sempre ajuda, pois há ocasião para tudo, principalmente quando se almeja algo. Aí então, é preciso DETERMINAÇÃO.

Se a meta é crescimento e produção, ficar questionando não é bom. É preciso DETERMINAÇÃO.

Tudo que é fácil não trás segurança, mas tudo que é seguro é conquistado com DETERMINAÇÃO.

DETERMINAÇÃO é saber "ONDE começar, COMO começar, ONDE chegar e COMO terminar". Pois, os resultados são frutos da tua AÇÃO.

Pense nisso antes de tomar suas decisões.

Um grande abraço a todos.

Paulo Barreiros.

sábado, 3 de agosto de 2013

AMIGO


Amigo é alguém com quem posso ser sincero. Que me dá o direito de discordar dele, sem que ele se sinta ofendido, diminuído ou humilhado.
Amigo é o que me dá (e também tem) a liberdade de pensar alto, de refletir e de mudar de opinião.
Amigo é quem te socorre, quem te estende a mão, quem te ajuda e anima. 
Amigo não é aquele que apenas tem pena de ti.
Amigo de verdade, não “te empurra com a barriga”... Amigo de verdade, “te carrega no coração”. Como disse Salomão: “O amigo ama em todo o tempo; e para a angústia nasce o irmão” (Provérbios 17:17).
E como diz Milton Nascimento: 
“Amigo é coisa pra se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração.
Amigo é coisa pra se guardar do lado esquerdo do peito,
Mesmo que o tempo e a distância diga não” 
Amigo sabe ouvir “sim” e “não”. Amigo sabe também dizer “sim” e “não”.
 “Fiéis são as feridas dum amigo; mas os beijos dum inimigo são enganosos” (Provérbios 27:6).
Amigo sabe: conviver com as tuas limitações, e valorizar as tuas virtudes.
Amigos são anjos que nos ajudam a “ficar em pé”, mesmo quando todos tentam nos dar rasteiras.
Amigos são aquelas pessoas raras que nos perguntam como vamos e se interessam realmente em saber como estamos.
Amigos alimentam o amor fraterno mútuo, que está acima das diferenças: de idade, de sexo, de cultura, de raça, de cor, de status.
Amigo é alguém que sabe quase tudo, ou tudo, a teu respeito e, apesar de tudo, gosta de ti assim mesmo.
 “Amigos verdadeiros e para sempre” existem: Quando as diferenças não são mais capazes de nos separar. Quando juntos superamos todas as barreiras e quando unidos vencemos todos os obstáculos.
 
(Crônica escrita por Pr. João Brito Nogueira e dedicada a sua melhor amiga e amada esposa Marione) 

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

NÃO TENHA MEDO



Sinta,
Pense,
Seja,
Divirta-se,
Curta,
Sorria,
Chore,
Grite,
Fale,
Corra,
Acredite,
Emocione,
E, Principalmente,
Viva,
Viva intensamente cada momento, cada segundo.
Um segundo perdido podia ter sido o segundo MAIS importante de sua vida.
Não tenha medo de se arriscar, peça, fale, conquiste, se destaque, se mostre e terá a sua tão esperada gratificação.
Não tenha medo, seja você e, simplesmente seja FELIZ!!!

(CaioC Gomes)

quarta-feira, 31 de julho de 2013

EVANGELISMO ou AFRONTA?

 
É bom lembrar que o Evangelho é o poder de Deus PARA AQUELES QUE CREEM. 
A salvação é um fato que ocorre por meio de uma ação movida por quem dela necessita, não por uma ação imposta sobre quem dela se exclui.

É preciso que, aqueles que servem ao SENHOR, guardem a fé para si mesmos (Rm 14:22).

Tenho visto muitas guerras entre evangélicos e não evangélicos, e isso não é nada bom. Anunciar as boas novas da salvação não é lutar contra as práticas religiosas, mas contra aquele que os tem aprisionados no erro.

Publicar no Facebook imagens com versículos que condenam práticas pagãs não é sábio. Deus não proíbe o idólatra de continuar na idolatria, visto que as passagens bíblicas proibindo tais práticas está relacionado ao povo de Deus: "NÃO TERÁS OUTROS DEUSES ALÉM DE MIM" (Êxodo 20:3; Deuteronômio 5:7; Êx 20:23; etc...). Veja que a Palavra é direta ao povo de Deus.

Não podemos esquecer algo que muito nos chama a atenção: "Todo aquele que deseja continuar na impureza, que continue; Aquele que deseja continuar se santificando, que se santifique cada vez mais" (Ap 22:11).

Às vezes, podemos nos tornar insuportáveis por não sabermos lidar com a evangelização. 

A perseguição ao evangelho não pode suceder por motivos pessoais, mas por razões proféticas.

Pense nisso!

Paulo Barreiros.

terça-feira, 30 de julho de 2013

REFLEXÃO


Quando me calo, ganho mais tempo para pensar;
Quando me aquieto, consigo ampliar mais a visão;
Quando me curvo, aprendo a olhar com confiança;
Mas quando me prostro aos pés do meu grande REI, ELE me faz sobressair.

segunda-feira, 29 de julho de 2013

 A LEI E A GRAÇA, A JUSTIÇA E A MISERICÓRDIA DE DEUS



DEUS SEMPRE SERÁ JUSTO. Sua justiça é revelada na MISERICÓRDIA. Ele criou a santa Aliança através do sangue do seu próprio Filho oferecendo ao transgressor a piedade e compaixão. Derramou sobre seu Filho a ira que estava sobre a humanidade trazendo-nos a Paz. Isso é justiça revelada na Misericórdia.

Pensando sobre alguns questionamentos a cerca da justiça de Deus, percebi que há uma incoerência na interpretação do amor de Deus: “Porque Deus não pune fulano ou sicrano por se comportar desse ou daquele modo contra os filhos Dele?”. Então, procurei escrever alguma coisa a respeito do que é a JUSTIÇA de Deus, embora eu não tenha todos os argumentos necessários. Mas, o pouco possa ser que seja o suficiente.

Vejamos:

O joio crescerá junto com o trigo (Mt 13:29). A chuva que cai sobre o campo do homem bom, também cairá sobre o campo do homem mau. Enquanto houver Graça, prevalecerá Misericórdia - isso é justiça divina. A justiça que pune será revelada na distribuição das recompensas, no Tribunal divino: "Cada um receberá a recompensa merecida pelos seus erros". (Apocalipse 22:12).

Porém, durante o período que se chama GRAÇA, permanecerá a lei da semeadura: "Não erreis, Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará" (Gálatas 6:7).

No livro de Salmos 9:7-9, revela a justiça após o período da GRAÇA. ...já preparou o seu tribunal para julgar. ...Julgará o mundo com justiça. (Período após GRAÇA). Nessa época, a Igreja já estará com Ele nas Mansões Celestes. Aleluia!

Nunca diga que Ele não é justo. Leia com atenção e verá que Ele é justo e provou isso na Cruz: "Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades, o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados" (Is 53:5). Justiça revelada na misericórdia.

Não devemos olhar para Ele como o DEUS DA LEI DE MOISÉS. Mas que olhemos para Ele como o DEUS DA GRAÇA REVELADA EM SEU FILHO JESUS: "Porque eu quero a misericórdia, e não o sacrifício; e o conhecimento de Deus, mais do que os holocaustos. (Oséias 6:6)

ENTÃO DEUS MUDOU? NÃO.

O Deus do Antigo Testamento é o mesmo do Novo. A questão está nas alianças: No Antigo Testamento, 1ª aliança, predominava o dito “Olho por olho e dente por dente”. Cada transgressão tinha a punição própria já estabelecida. Como poderia dizer? "Toma lá, dá cá".
Mas no Novo Testamento, 2ª aliança, predomina a Graça: "A Misericórdia prevalece sobre a justiça".

Ou seja, na 1ª Aliança a justiça punia, já na 2ª Aliança a Misericórdia perdoa. Nós vivemos na 2ª Aliança. Se Deus não se comportasse de acordo com a 2ª aliança que Ele mesmo estabeleceu, então estaríamos perdidos.

Que o SENHOR JESUS CRISTO te abençoe.

Felicidades,


Paulo Barreiros.

quinta-feira, 13 de junho de 2013


UNIÃO HOMO-AFETIVA 


O assunto que tem sido um “pesadelo” para muitos, está relacionado à preocupação da possibilidade de haver uma desestrutura familiar nos próximos anos, concernente ao movimento gay dos últimos dias.

Sinceramente, não acredito que atitudes e práticas de terceiros venham desestruturar a família cristã.
A preocupação demasiada com o casamento entre os homossexuais no país, não poderá afetar aqueles que mantém o equilíbrio afetivo hétero.  

Sinceramente, não consigo entender como a maioria, que esse comportamento homo-afetivo poderá afetar a minha família. Se a sua família foi, ou está sendo bem consolidada e estruturada, com base nos princípios da sã doutrina da Palavra de Deus, então o mundo exterior não poderá afetá-la, mesmo que hajam pretextos para isso. Sabe porquê? Porque a igreja começa no lar. E como está escrito: "...Nem as portas do inferno prevalecerão contra ela" - Mateus 16:18.

Gostaria de deixar aqui um conselho para os preocupados: "Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os gentios; serei exaltado sobre a terra". Sl 46:10. Deus está no controle. É Ele quem governa, e o governo dele é JUSTO.

Se na Palavra de Deus há uma sentença contra os que desonram os seus corpos entre si, não será a igreja que irá mudar o curso desse mundo, visto que ele jaz no maligno. Cabe à igreja evangelizar e não decretar guerra. Essa não é a missão da igreja. Não é combatendo que a igreja alcançará a vitória, e sim, evangelizando. Deus é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera - Ef. 3:20. Sendo assim, o que a igreja precisa é do poder de Deus operando nela, para fazer a diferença. 

A igreja não tem que se preocupar com bodes, cabritos ou joio. Ela só precisa arrebanhar as ovelhas, porque está escrito: "Quem é injusto, faça injustiça ainda; e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, seja santificado ainda". Apocalipse 22:11. 

A Salvação não se realiza através da força, mas sim, pela fé em Cristo Jesus. Na medida em que tais pessoas ouvirem as palavras certas, de modo certo e com a unção do Espírito Santo, certamente que elas desfarão os erros que cometeram no decorrer de suas vidas. Ló viveu e criou seus filhos e filhas numa cidade fermentada pelo homossexualismo e depravação moral, no entanto não se deixou contaminar e nem se interferiu no curso das coisas.

Se há uma demanda, uma guerra, essa não é nossa, ela é do Senhor. Foi o que aconteceu em Sodoma, Gomorra e cidades circunvizinhas.

Porém, mediante o que vem ocorrendo, principalmente no Brasil, violência e impunidade, estupros, imoralidades, perversão sexual, assaltos seguido de mortes, e uma série de atentados, e sem falar do governo que faz vista grossa, infelizmente. Só posso dizer que o Dia do SENHOR está às portas. 

Levantemos nossas cabeças e tenhamos confiança naquele que há de vir e remirá o seu povo da corrupção.

Pense nisso! Felicidades,
Pr Paulo Barreiros.















Quanto mais pensamos na dor que nos incomoda, mais ela dói. 
Quanto mais pensamos na solidão que nos machuca, mais ela nos destrói. 
Quanto mais pensamos na nossa pequenez, mais nos sentimos diminuídos.


Portanto, levante a cabeça e vá a luta. Deus tem sua vitória nas mãos.

Felicidades,
Pr Paulo Barreiros.

sexta-feira, 31 de maio de 2013

A DIFERENÇA ENTRE AQUELE QUE SERVE, DAQUELE QUE NÃO SERVE A JESUS

Sede também meus imitadores, irmãos, e tende cuidado, segundo o exemplo que tendes em nós, pelos que assim andam.
Porque muitos há, dos quais muitas vezes vos disse, e agora também digo, chorando, que são inimigos da cruz de Cristo,
Cujo fim é a perdição; cujo Deus é o ventre, e cuja glória é para confusão deles, que só pensam nas coisas terrenas.
Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo,
Que transformará o nosso corpo abatido, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas. (Filipenses 3:17-21)

QUEM SÃO OS INIMIGOS DA CRUZ DE CRISTO?

Primeiro precisamos entender que cruz é símbolo de sacrifício. O preço pago na cruz revela o sacrifício de Jesus para nos garantir a salvação. Esse sacrifício o levou a renunciar sua própria Glória, seu estado natural para se tornar em humilhação, conforme nos relata o apóstolo Paulo em Efésios, no capítulo 2.

Portanto, é considerado inimigo da cruz de Cristo aqueles que utilizam do sacrifício terreno para alcançar coisas terrenas, menosprezando o valor do sacrifício de Cristo na cruz. 

QUEM SÃO ELES?

  1. O deus deles é o ventre: Visto que o esforço dedicado em todo o curso da vida é em prol de si mesmos, valorizando mais o bel prazer da carne.
  2. A glória que eles buscam é vergonhosa; status, etc. Em toda a história do homem, o mesmo tem buscado favorecimentos que enobrecem a si mesmo. Seu comportamento está vinculado na grandeza do reconhecimento em forma de fama e glória terrena. São capazes de pagarem um alto preço para isso, mas são incapazes de se esforçarem para adquirir um tesouro no céu.
  3. O objetivo deles está relacionado a coisas terrenas:  Quem não tem interesse de viver uma vida regalada, cheia de prazeres e conforto? Pois é, não digo que Deus proíba tal coisa, mas onde está o tesouro do homem, ali estará o seu coração. Quanto esforço por coisas tão passageiras! Isso é muito comum no ser humano. Pra eles, buscar as coisas do Reino de Deus é muito complicado.
  4. O FIM deles é a perdição: Tudo que está vinculado à matéria, é temporário. Tudo passa, inclusive a vida do homem na terra. Como não pode durar para sempre, qual será o fim dos que rejeitam o sacrifício de Cristo na cruz? O versículo já o diz: PERDIÇÃO.
MAS, quem são OS AMIGOS DA CRUZ DE CRISTO?

O apóstolo Paulo relata sobre eles nessa mesma passagem. Vejamos quem são:
  1. Eles buscam a perfeição em Cristo = “Sede meus imitadores” – versículo 17ª. Além de reconhecerem o sacrifício de Cristo, eles se sacrificam para alcançar o crescimento na Graça Salvadora. Imitar está no sentido de seguir os passos sujeitando-se às mudanças e apego a princípios disciplinares.
  2. Eles andam com prudência e pureza de alma = “Atentai para aqueles que andam conforme o exemplo que tendes em nós”. versículo 17b. Embora uns menosprezam o sacrifício da Cruz, existem outros que andam em conformidade com a Palavra de Deus. São prudentes e possuem exemplo de vida cristã. Observar essas pessoas, tem o sentido de unir-se a elas, seguir juntos. Os amigos da cruz de Cristo unem-se em santificação, consagração, oração, intercessão, etc.
3.      A glória deles está na pátria celestial – de onde virá o Salvador... versículo 20. Não tem coisa mais justa do que um trabalhador receber o seu salário no final do mês. Ele se dedicou e se esforçou muito pra isso. Levantou cedo, às vezes ainda de madrugada para o trabalho. É justo que receba a recompensa. Nada vai tirar dele esse direito. Assim, é para com aqueles que se esforçam para servir ao SENHOR: “Se alguém me serve, siga-me, e onde eu estiver, ali estará também o meu servo. E, se alguém me servir, meu Pai o honrará”. João 12:26
  1. O FIM deles não será a destruição – “Eles serão transformados em corpo de glória” – versículo 21. Será o dia da recompensa final, o arrebatamento dos que amam ao SENHOR e passaram suas vidas na terra servindo ao Reino de Deus.

Pense nisso, e que o SENHOR te abençoe.

Felicidades,
Pr Paulo Barreiros.




sábado, 13 de abril de 2013


TAREFA TERMINADA

Como é prazeroso vermos uma obra concluída! Nos dá tanta satisfação!
Quero compartilhar com vocês o segredo de um grande sucesso. Mas para isso, me baseio em Neemias e sua obra de reconstrução dos muros de Jerusalém.

Porque era tão importante reconstruir os muros? Resposta: Sem os muros não haveria separação entre o povo e os inimigos. Com os muros rachados a cidade estava sem proteção, os inimigos entravam e saiam a hora que queriam. Neemias então diz: “Edifiquemos os muros e deixemos de ser vergonha” (NE 2:17).

Apesar da oposição, o muro fica pronto em 52 dias = Um feito surpreendente para uma tarefa considerada quase impossível. Neemias tinha um ALVO.

1)- Ao trabalhar em direção ao seu alvo = Neemias enfrentou obstáculos que fariam com que um homem de menos fibra tivesse desistido.

a)- Os ataques mais desalentadores foram dirigidos contra sua própria pessoa. Neemias aguentou por causa da Obra (não de quem ele era). Ele tinha um caráter nobre.
  • Seu caráter veio diretamente da prática da íntima comunhão com o SENHOR.
  • Comunhão com Deus – Sem esse comportamento não teria produzido a hombridade necessária para enfrentar a oposição da parte de inimigos implacáveis.
  • Esta mesma qualidade de caráter também fez com que ele perseverasse diante de obstáculos aparentemente invencíveis.
  • Podemos traçar o caráter de Neemias diretamente à sua disposição de viver sob a autoridade das Escrituras.
  • Perdemos nosso caráter e nossa capacidade de discernir as questões que nos confrontam quando negligenciamos o estudo das Escrituras.
2)- Em segundo lugar, havia a confiança de Neemias.
  • Ele enfrentou os obstáculos, um por um = Esses obstáculos cediam à força de um propósito superior.
  • Neemias enfrentou os obstáculos aparentemente impossíveis, e eles se desfaziam ante sua persistência.
  • Neemias conseguiu edificar o muro de uma cidade e restaurar a dignidade nacional de um povo desprezado, porque ele tinha convicção inabalável de estar fazendo o que Deus queria que fizesse.
  • Sua confiança no SENHOR livrou-o das pressões exteriores e fez com que ele se preservasse em seu objetivo = Venceu os temores que os outros procuravam incutir nele e garantiu que ele estivesse livre de preocupações indevidas (Se puder, leia Mateus 6:25-34).
  • Sua confiança no SENHOR capacitou-o a elevar-se acima das tempestades da adversidade. Ele enfrentou os problemas e inspirou outros a darem o melhor de si.
3)- Em terceiro lugar, sua relação com o SENHOR era tal que não temia o que os outros pensavam dele ou pudessem fazer-lhe.
  • Isto não quer dizer que ele ignorava a oposição, ou que fosse descuidado quanto à sua segurança pessoal.
  • Sua fé era daquelas que movem montanhas. Sua confiança em Deus deu-lhe coragem para continuar, apesar das nuvens de oposição que o cercavam.
  • Ele foi ousado campeão da causa do direito e desprezou as coisas que inspiravam medo.
  • A coragem de Neemias ajudou-o a alcançar novas alturas de vitória = Armado dessa força, ele transformou obstáculos em oportunidades, e provações em triunfos pessoais.
Finalizando

O fundamento do sucesso está no nosso caráter.
  • A confiança no SENHOR e no seu plano para nossa vida nos dá confiança em nós mesmos.
Finalmente,

Nossa coragem demonstra o que somos, e aquilo em que nos envolvemos.

Fique firme!
Neemias não confiava em si mesmo, porém dizia “O Deus do céu é quem nos dará bom êxito” lembre-se das palavras de Paulo em Filipenses 4:13 = “Posso todas as coisas naquele que me fortalece”.

Felicidades, e que o SENHOR te abençoe.

sábado, 16 de março de 2013



COMO ESTÁ SUA VIDA COM DEUS?

(Mateus 25:6-7 e 12-13) - Mas à meia-noite ouviu-se um clamor: Aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro. Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas. E ele, respondendo, disse: Em verdade vos digo que vos não conheço. Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir.

Vivemos em clima de grande expectação sobre a volta do SENHOR JESUS. Mais do que nunca há a necessidade de estarmos preparados para esse advento. Embora muitos tenham suas vidas dispersas, sem vigilância e leigos aos acontecimentos revelados pela Palavra do SENHOR, vem vivendo como se um milagre fosse ocorrer em favor de suas vidas, pois acreditam que as misericórdias do SENHOR as arrebatarão. Por essa e outras razões, se levantarão e prepararão suas lâmpadas quando for MEIA NOITE - tarde demais.


Costumo dizer que salvação é um ato processual, embora muitos discordem disso. O meu futuro é processado pelos meus planejamentos executados durante a minha caminhada neste mundo perverso e inescrupuloso. Se construo algo com base na salvação, terei um resultado satisfatório. Mas, se construo algo com base na perversão, então o resultado será de total ruína. Ou seja, o fruto da colheita de amanhã é o resultado do plantio de hoje. 

Exemplos sobre meu ponto de vista: 
1.   Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, o afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria; (Colossenses 3:5). MORTIFICAR é um processo.
2.  Antes crescei na graça e conhecimento de nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. (2 Pedro 3:18). CRESCEI NA GRAÇA - crescimento é um processo.

3.  Alcançando o fim da vossa fé, a salvação das vossas almas. (1 Pedro 1:9). ALCANÇAR é um processo.

4. Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor. (2 Corintios 3:18). REFLETIR é um processo. De GLÓRIA em GLÓRIA é um processo.

E muito mais. Se fosse colocar aqui versículos nos quais me baseio, certamente que você não teria ânimo para continuar lendo essa mensagem.

No meu conceito, a salvação é um dom de Deus para nós, “pois pela Graça sois salvos, mediante a fé, e isso não vem de vós, é um DOM de Deus”. (Efésios 2:8). Mas, o caminho que ELE preparou para nós, deve ser percorrido por nós. E cada um deve saber muito bem como caminhar, como será o seu comportamento mediante a fé. No final é que se verá o resultado.


O que fazer diante de tantas adversidades da vida? Devemos procurar semear a boa semente: a da justiça, da integridade, da retidão e do temor de Deus. E isso é um processo cotidiano, é o fazer morrer a velha natureza, tomar a cruz e SEGUIR após JESUS. Só assim haverá o reconhecimento visto no versículo 10 (parte B): “...chegou o esposo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta".   

PREPARADAS vêm de preparação, que também é um processo.  
Mas, talvez você esteja pensando: "Se é assim, então Jesus não precisou padecer a morte de cruz". Aí é que você se engana! Sem a morte de cruz, nossas dívidas para com Deus não teriam sido canceladas; nossos pecados e transgressões não teriam sido perdoados.

Então, porque eu digo que salvação é um processo? Simples. A salvação está baseada na santificação em Cristo e na sua Palavra (mandamentos). Sem a qual, ninguém verá o SENHOR. E pelo que entendo, ninguém é santificado na Palavra só porque conhece a Palavra de Deus. Ninguém é santificado em Cristo só por que crê em Cristo. Assim como está escrito em Romanos 9:6b ....porque nem todos os que são de Israel são israelitas. E no verso 7 diz: "Nem por serem descendência de Abraão são todos filhos".

Sendo assim, procure achegar-se a DEUS. Busque-O enquanto há tempo. Dedique-se a relacionar-se com ELE até que seja gerado o amor perfeito pelo PAI em sua alma.  Daí pra frente é só permaneceres fiel até o fim, e serás salvo (Mateus 24:13).            


Que o SENHOR JESUS nos abençoe.


Felicidades em Cristo,


Pr. Paulo Barreiros.

terça-feira, 12 de março de 2013

SE NÃO FOR PARA TE SERVIR, ENTÃO PORQUE EU NASCI?
Romanos 14:7 - 9

"Porque nenhum de nós vive para si, e nenhum morre para si.
Porque, se vivemos, para o Senhor vivemos; se morremos, para o Senhor morremos. De sorte que, ou vivamos ou morramos, somos do Senhor.
Porque foi para isto que morreu Cristo, e ressurgiu, e tornou a viver, para ser Senhor, tanto dos mortos, como dos vivos". 

  • Viver para Deus é você colocá-lo como prioridade sobre todas as coisas.
  • Viver para si mesmo significa que a sua vontade é o centro de sua própria vida. Você assume o risco de estar sozinho diante de um mundo desumano e cruel!
  • O Senhor Deus respeita a sua escolha dia após dia, e assim será até a consumação dos tempos!
Precisamos entender como os santos devem se levantar para servir ao SENHOR.

Mas o SENHOR, para nos fazer entender a respeito do que consiste a obra do seu ministério, nos falou que cada um de nós deve negar a si mesmo, tomar a cruz e servir a outros.

E para entendermos esse propósito, Lucas revela que o SENHOR JESUS trouxe a salvação a todos os homens, a judeus e a gentios. E não só trouxe a salvação a todos os homens, mas a toda classe de homens.

Lucas nos mostra o SENHOR relacionando-se com as pessoas mais DISCRIMINADAS daquela época: “Os publicanos, os samaritanos, as prostitutas, os gentios, os pobres, os doentes e os leprosos.
  • Jesus não os rejeitou, não teve nojo deles; mas foi às suas casas, comeu com eles, tomou vinho com eles e foi amigo deles. Dessa maneira ganhou o coração deles.
Contrário da realidade dos dias atuais visto pela maioria dos que se dizem servos do SENHOR JESUS.

Pense nisso! Pois, estamos vivendo momentos de muita expectação, e o dever nos chama mais do que nunca. 

Ninguém pode ficar cheio do Espírito de Deus, se antes não esvaziar-se de si mesmo.
Se não houver a morte do "EU", Cristo não viverá em nós. Pois, o propósito é que ninguém pode viver para si mesmo - (Rm 14:7).

Que o SENHOR nos abençoe.

(Pr Paulo Barreiros)